Uma solução final e sustentável para os resíduos

Na AVE promovemos o único método de gestão de resíduos que não gera cinzas, pelo que oferecemos uma solução final: a valorização energética e a valorização material dos resíduos permitem a sua eliminação total de uma forma ambiental e economicamente...

Resíduos Sólidos

O uso como combustível alternativo pela indústria cimenteira permite dar um destino final e sustentável a resíduos que não são recicláveis e que, de outra forma, seriam colocados em aterro.

Qualidade

O controlo de qualidade dos resíduos e do cimento está presente em todas as etapas do processo, desde a seleção dos resíduos coprocessáveis até ao produto final.

Fornos

O uso de resíduos para alimentar os fornos das cimenteiras permite reduzir a dependência energética externa do País.

Matérias-primas secundárias

Alguns dos resíduos utilizados no coprocessamento integram o processo de produção de clínquer, como matéria-prima secundária, sem alterar a qualidade do produto final.

Ambiente

O coprocessamento garante um destino final ambientalmente sustentável para os resíduos: é a única solução de tratamento que não gera resíduos nem tem passivo ambiental.

Clínquer

O coprocessamento é uma tecnologia comprovada e mundialmente aceite, sendo responsável pelo aumento da competitividade da indústria cimenteira nacional.

Resíduos Industriais

Os chips de pneus são um exemplo de resíduos industriais utilizados como combustíveis alternativos pela indústria cimenteira graças ao coprocessamento.

Desperdícios de madeira florestal e urbana

Quer a biomassa florestal, quer resíduos de madeira resultantes da atividade urbana são valorizados energeticamente no coprocessamento.

Uma solução final e sustentável para os resíduos

Na AVE promovemos o único método de gestão de resíduos que não gera cinzas, pelo que oferecemos uma solução final: a valorização energética e a valorização material dos resíduos permitem a sua eliminação total de uma forma ambiental e economicamente...

Resíduos Sólidos

O uso como combustível alternativo pela indústria cimenteira permite dar um destino final e sustentável a resíduos que não são recicláveis e que, de outra forma, seriam colocados em aterro.

Qualidade

O controlo de qualidade dos resíduos e do cimento está presente em todas as etapas do processo, desde a seleção dos resíduos coprocessáveis até ao produto final.

Fornos

O uso de resíduos para alimentar os fornos das cimenteiras permite reduzir a dependência energética externa do País.

Matérias-primas secundárias

Alguns dos resíduos utilizados no coprocessamento integram o processo de produção de clínquer, como matéria-prima secundária, sem alterar a qualidade do produto final.

Ambiente

O coprocessamento garante um destino final ambientalmente sustentável para os resíduos: é a única solução de tratamento que não gera resíduos nem tem passivo ambiental.

Clínquer

O coprocessamento é uma tecnologia comprovada e mundialmente aceite, sendo responsável pelo aumento da competitividade da indústria cimenteira nacional.

Resíduos Industriais

Os chips de pneus são um exemplo de resíduos industriais utilizados como combustíveis alternativos pela indústria cimenteira graças ao coprocessamento.

Desperdícios de madeira florestal e urbana

Quer a biomassa florestal, quer resíduos de madeira resultantes da atividade urbana são valorizados energeticamente no coprocessamento.

Mais de

de toneladas de resíduos para valorização

Mais de

de toneladas de CO2 evitadas

Mais de

de combustíveis fosseis evitados

COMUNICADO

Covid-19 - Plano de Contingência

Vimos por este meio informar que no seguimento das recomendações da Direção Geral de Saúde desde dia 12 de Março de 2020, a AVE decidiu implementar o seu Plano de Contingência e passar a desenvolver as suas atividades recorrendo ao teletrabalho, protegendo os seus colaboradores, fornecedores, clientes e parceiros, contribuindo assim para este objetivo comum que é o de "achatar a curva".

A nossa Equipa continuará a cumprir com a sua missão, com responsabilidade e profissionalismo. Unimo-nos aos nossos Fornecedores, Clientes e Parceiros no sentido de apoiarmos e ultrapassarmos em conjunto e com sucesso este desafio. 

Agradecemos a dedicação de todo os intervenientes da cadeia de preparação de combustíveis alternativos e muito particularmente aos motoristas de transporte de  CDR e MPS (Combustíveis Derivados de Resíduos e Matérias Primas Secundárias) que com reduzidas condições de apoio ao seu trabalho na estrada, continuam a fazer o seu melhor e a garantir os abastecimentos que a AVE faz à indústria cimenteira, a partir de fluxos de resíduos que se continuam a gerar.

Montijo, 27 de Março de 2020

Ao continuar a navegar por este site concorda com o uso dos seus cookies. Mais informações

As configurações de cookies deste site estão definidas para "permitir cookies" para oferecer a melhor experiência de navegação possível. Se continuar a usar este site sem alterar as configurações de cookies ou clicar abaixo em "Aceitar", estará a concordar com esta utilização.

Fechar